fbpx

Você sabe como funciona a coleta automática de dados?

A coleta automática de dados entrega um padrão para a captura de informações, armazena o conteúdo de forma imediata e transmite todos esses registros para os sistemas corporativos instantaneamente. Assim, tudo que acontece no chão de fábrica, nas vendas, no transporte e no estoque — ou em qualquer outro departamento — chega aos gestores em tempo real.

E mais: é possível consultar esses dados em poucos cliques com filtros virtuais. Nesse contexto, a competitividade recebe um importante reforço. Afinal de contas, em uma economia enfraquecida e acirrada, a cultura data-driven cada vez faz mais diferença no desempenho. Pare e pense: a cada segundo, uma única planta industrial produz muito mais informações do que produtos.

Para agravar a situação, além de volumosos, os índices em um ambiente de fábrica mudam o tempo todo. Ou seja, produtividade, níveis de estoque, paradas emergenciais e saídas e entradas estão em constante transformação. Nesse quadro, a coleta automática de dados se torna indispensável para se manter competitivo. Quer saber mais? Então, venha com a gente e turbine a sua performance operacional e estratégica!

Quais setores de uma indústria podem se beneficiar com esse recurso?

Como já dissemos, a modernização do recolhimento de dados é algo “para ontem”, uma vez que as empresas estão avançando nesse quesito diariamente. Afinal, os gestores ganham ângulos de visualização privilegiados sobre os eventos.

Tanto no quesito qualidade da informação — sem distorções ou erros — quanto no critério quantidade monitorada, qualquer volume de dados é transmitido para os sistemas em poucos segundos. A seguir, preparamos um resumo sobre o impacto da informatização da captura de dados em cada departamento de uma fábrica. Observe!

Recebimento

No setor de recebimento de materiais, todo controle é automático, trazendo mais velocidade para as entradas e para as conferências. É possível registrar de forma instantânea todas as operações, da chegada de matéria-prima até a remessa do item das portarias para os armazéns.

Produção

Com a coleta automática de dados, os indicadores produtivos recebem monitoramento em tempo real. Isso é importante para identificar erros, rastrear mercadorias e desenvolver um mapeamento de processos mais eficiente e menos custoso. Afinal, os líderes conseguem enxergar gargalos e desperdícios muito cedo, o que contribui para uma reação antecipada a acontecimentos negativos, como falhas e panes.

Estoque

Para o controle de estoque, as melhorias com a automação da captura de dados são realmente incríveis. Afinal, coletores eletrônicos leem em segundos os códigos de barras dos produtos. Assim, o estoque é feito sem erros e inconformidades.

Da mesma forma, a atualização das entradas e das saídas se torna extremamente veloz. Isso significa informação confiável no sistema. Ou seja, o que estiver registrado será sempre correspondente, de fato, à realidade das prateleiras.

Finanças e contabilidade

A coleta automática de dados também é benéfica para o tratamento das informações financeiras. Assim, com esse recurso, determinados itens, como gastos, balanços, orçamentos, notas fiscais, contagem de impostos, entre outros, também vão para o sistema em segundos.

Além disso, a contabilidade para as empresas que usam ERP com captura instantânea de dados é muito mais rápida e eficiente. Isso evita multas por perda de prazos ou por inconsistências tributárias, ajudando a melhorar o faturamento da fábrica.

Faturamento e Expedição

A coleta automática de dados também é aplicada com muito sucesso nas operações que envolvem o faturamento e a expedição de materiais. Primeiramente, a tecnologia reduz o tempo para coletar e transmitir o conteúdo para os sistemas. Outro benefício para o setor é o fim dos preenchimentos manuais, o que, na prática, significa erro zero de informação. Ou seja, os dados recolhidos contam com uma elevada credibilidade.

Como efeito, as entregas acabam chegando no prazo para o cliente lá na ponta. Ademais, torna-se mais simples detectar índices de avarias, extravios e furtos.

Quais ferramentas viabilizam a coleta automática de dados?

Negócios logísticos, plataformas de entrega para e-commerce, farmácias, supermercados e os mais variados ramos da indústria podem usufruir da coleta automática de dados. Mas como a tecnologia funciona? Quais são os seus principais instrumentos? Observe a seguir!

Leitores de códigos de barras

Os leitores de códigos de barras são aplicações de tecnologia que enviam o conteúdo do código diretamente para o computador. Desse modo, os dados de uma mercadoria — como volume, cores, peso e disponibilidade de estoque — vão imediatamente para os sistemas, sem ser preciso conferir ou digitar nada.

Maquininhas coletoras de dados

Mais um dentre os instrumentos dessa tecnologia são as maquininhas coletoras de dados. Fisicamente, elas lembram as maquininhas de cartões de débito e de crédito, sendo que são um pouco maiores do que as usadas nas transações financeiras.

Com elas, o colaborador se desloca por toda a empresa e pode captar dados em tempo real de tudo que for preciso. Depois, basta descarregar o conteúdo do equipamento nos programas de gestão. Na verdade, os coletores de dados, na maioria dos casos, também utilizam a leitura de código de barras. 

Solução ERP

Como você já deve imaginar, a captura de dados não tem a menor utilidade se eles não forem tratados. Em outras palavras, é preciso extrair de números e de fatos desconexos interpretações que tragam insights de gestão.

Nesse ponto é que entra o ERP (Enterprise Resource Planning), que fará a integração de todas as informações. Assim, ele vai produzir diagnósticos consistentes sobre os acontecimentos. Com o ERP, é viável enxergar os problemas e os pontos fortes, minimizando-os e maximizando-os, respectivamente.

Quais são as vantagens da coleta automática de dados?

São muitas as vantagens da coleta automática de dados. Além de haver mais recursos para enfrentar a concorrência, podemos destacar a redução das perdas com os arquivos de papel. Afinal, poeira, traças, goteiras e extravios podem destruir uma informação importante.

Contudo, não é só isso: o controle automatizado permite colocar uma restrição de acesso e verificar o histórico de navegação, trazendo mais segurança para a companhia. Observe outras vantagens:

  • ampliação da produtividade: as equipes ficam integradas pela plataforma (produção, vendas, transporte etc.). Como consequência, o trabalho ganha ritmo e sincronia. Assim, podemos dizer que esse sistema auxilia no faturamento, uma vez que impacta a performance diretamente;
  • redução de perdas: o monitoramento dos produtos e dos insumos que circulam pelos armazéns ganha mais velocidade e precisão. Dessa maneira, evita-se perder mercadorias por expiração do prazo de validade, por exemplo. Além disso, como há menos tarefas com erros, o desperdício de insumos também encolhe;
  • centralização da informação: o conteúdo das mais diversificadas origens se afunila em uma única interface;
  • transparência: não há como a empresa ser transparente se tiver informes distorcidos em seus sistemas, ainda que as inconformidades sejam acidentais. Nesse sentido, a maior precisão no recolhimento de dados vai trazer mais credibilidade para relatórios operacionais, demonstrações financeiras e declarações contábeis. 

Como começar a coleta automática de dados no ERP Protheus?

Entre os diversos módulos do Protheus existentes, o ACD Protheus é a aplicação direcionada a fazer a coleta automática de dados. Enquanto isso, o módulo WMS executa as tarefas de armazém. Assim, as duas ferramentas proporcionam uma gestão de logística fantástica: muito prática e eficiente, além de ser sempre baseada em dados.

Veja as principais rotinas do ACD Protheus:

  • recebimento de materiais;
  • movimentações do estoque (transferências e deslocamentos internos);
  • estatísticas sobre a linha de produção;
  • separação de itens para a expedição da empresa;
  • gerenciamento de expedição e de embarque de produtos;
  • inventário físico.

Mais uma boa notícia é que o módulo ACD é flexível. Desse modo, ele se ajusta às necessidades peculiares de cada negócio. Para fazer um investimento tranquilo e bem-sucedido, você pode contar com o suporte de empresas especializadas nesse sistema.

Por falar nisso, nós, da Atos Data, ajudamos as empresas no processo de conversão para a coleta automática de dados. Nossos serviços incluem implementação, atualização de versão e release de ERP (atualizações operacionais mais recentes). Além disso, fornecemos um suporte técnico constante.

Quer reduzir custos e automatizar processos e tarefas? Então, venha conhecer o site da Atos Data!

atosdata

Esta postagem possui 0 respostas

Comentários aberto

Deixe uma resposta

Você pode usar esses atributos do HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>